Noticias

Formosa e Anápolis ‘disputam’ facções e Brasília fica no meio à tensão entre PCC e CV

Brasília está cercada de PCC e Comando Vermelho. Por questões de segurança e, pasme, a verdade é que para evitar rebeliões, as duas maiores facções do Brasil estão separadas com Brasília no meio. Formosa, com seu novo presídio, abriga presos do Comando Vermelho.

Já em Anápolis, cidade que fica há cerca de 120 km de Brasília, já abriga presos do PCC. A situação é tão crítica, que o governo do estado decidiu fazer a divisão para, justamente, evitar a mortandade vista em presídios, como em Rio Branco no Acre.

Em fevereiro de 2018, o governo de Goiás inaugurou dois presídios nessas localidades, que passaram a abrigar detentos de alta periculosidade.

Veja a posição geográfica de Brasília em relação aos dois presídios:

presidios do CO
presidios do CO (REprodução)

 

Resgate de presos

Recentemente uma grande quantidade de armas foi apreendida rumo à Formosa. O motorista do carro que levava as armas da imagem da abertura da imagem revelou que ganhou R$ 3 mil para levar o armamento até o local. O objetivo era resgatar presos do CV. Juntos, eles (Robson Pires de Andrade, Roberto Carlos de Andrade e Alan Pires de Andrade.)  têm condenações que somam 114 anos de prisão

Um deles admitiu ter recebido R$ 3 mil para levar o arsenal até as proximidades do Presídio Estadual de Formosa. Segundo a Polícia Civil e o Ministério Público de Goiás, a intenção do grupo era promover um ataque à unidade e resgatar três irmãos supostamente ligados ao Comando Vermelho: Robson Pires de Andrade, Roberto Carlos de Andrade e Alan Pires de Andrade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close