Noticias

Greve de funcionários da prefeitura de Formosa se encaminha para 30 dias sem acordo

Funcionários rechaçaram a última proposta da prefeitura e operação tartaruga se encaminha para o 30º dia sem acordo.

O prefeito Ernesto Roller tem tentado reverter um quadro muito ruim, em época de eleição. A greve de funcionários da prefeitura que se encaminha para o seu 30º dia, sem uma resolução. Os funcionários cobram o reajuste salarial previsto em lei e ainda outros benefícios.

A prefeitura alega a crise que abateu-se sobre os estados e municípios e tem tentado negociar, mas na última assembléia, funcionários rechaçaram a proposta do prefeito. Aliás, representantes do movimento grevista (eles não consideram greve e sim, operação tartaruga), disseram que a proposta era ridícula.

Segundo Suyenne, presidente do Sinprefor, “A assembleia rejeitou a contraproposta da Prefeitura que foi unânime”, revelou. “O servidor não aceitou ter essa proposta de R$ 10 mil reais para ser dividido e que vai demorar muito tempo para ter o acesso que é previsto por lei”, complementa.

A apuração foi feita pelo site, Entorno Urgente. Os funcionários ainda continuam com o movimento grevista e operando ‘meia boca’;  “Vamos continuar com o movimento tartaruga e vamos levar a contraproposta da assembleia para o prefeito analisar e ver como será o rumo dessa luta que estamos desde janeiro”, conclui Suyenne

Hugo Reis

Pós graduado em jornalismo tenho mais de 5 mil artigos publicados na internet. Experiência em vários sites de notícias brasileiros. Morador de Formosa/GO, decidi criar o F7 para retratar a verdade nua e crua da cidade. Contato: hugo.reis@f7news.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close